Iª Mostra Cultural: Foi a Cor em Todos os Tons!

A educação das relações étnico-raciais tem por objetivo a divulgação e produção de conhecimentos, bem como de atitudes, posturas e valores que eduquem cidadãos quanto à pluralidade étnico-racial, tornando-os capazes de interagir e de negociar objetivos comuns que garantam, a todos, respeito aos direitos legais e valorização de identidade, na busca da consolidação da democracia brasileira.

O Cor da Cultura, descrito no primeiro parágrafo e bastante claro, em nossa proposta de execução do Projeto a Cor da Cultura. No dia 03 de Setembro, mesmo com varias datas adiadas, tendo em vista que nossa Unidade Escolar esta passando por melhorias em sua infra-estrutura, pudemos realizar a culminância das ações e Metas consolidadas do Projeto a Cor da Cultura em nossa Unidade de ensino.
Talento docente: Marcelo, Luiz Fernando e Sandro
O resultado alcançado, o qual teve o braço formativo e educacional das relações culturais, tivemos também a oportunidade de estar promovendo para a Unidade de Ensino a alocação de recursos com as promoções de pescaria, comidas típicas e a escolha do Rei e Rainha da Iª - Mostra Cultura do Maria Barbosa Martins. O Evento foi a soma de esforços de todos os segmentos da escola, pais, alunos, colaboradores docentes e não docentes num único objetivo, mostrar o que fora pensado e vivenciado durante o cumprimento do ações e metas do Projeto.
A Comunidade escolar Interna em grupos e nível de ensino, cumpriu o seu papel, os quais levaram ao publico presente na ordem de 400 a 500 pessoas, músicas gospel, danças regionais de mato grosso e das regiões nordeste e bem como da America latina.
A grande revelação foi o espírito participativo, onde os docentes Luiz Fernando de Matemática, Marcelo de História e Sandro de Geografia, nos revelaram os seus talentos no manuseio de instrumentos musicais, bem como embalaram Ritmos Gospel e Canções da Música Popular Brasileira, encerrando o nosso Evento as 22:30 mim, com muita alegria e descontração.
O que tivemos que marcou a culminância do Projeto a Cor da Cultura?
Os estudos e leituras de textos que durante a execução do projeto, ocorreram em sala de aula. Destes estudos e a apropriação de novos conhecimentos por parte do aluno, é que surgiu que na culminância teríamos Peças teatrais, Musicais e danças que nos remetem as diferentes face das manifestações culturais, as quais são sempre uma soma entre se, proporcionando as trocas que podem ocorrer nas interações, porém com a consciência de que não há nunca cultura superior ou cultura inferior, o que há são manifestações culturais diferentes e que estas diferenças devem ser a soma de valores culturais dentro de um grupo que se interagem com outros grupos e aprimoram estes valores.
Assim, Os alunos do 9º Ano, embalaram em sua coreografia com danças no Ritmo Country, Já a educação Infantil, embalaram um requebra, requebradinho, muito a vontade foi um sensação.
Todos puderam apresentar suas interpretações em nosso Espaço Cultural Profº Maria Benedita de Magalhães, a Popular Maria TiTi. Um local que tem sido o diferencial em nossos eventos.
Os programas que são executados pelo Conselho Escolar, via convênio com o Programa PETI e Mais Educação, tiveram participação garantida. Os alunos atendido pelo Programa PETI e Mais Educação, valorizaram as nossas danças regionais como o nosso Rasqueado Cuiabano, com uma coreografia e uma performance de tirar o chapéu, traduzindo o ritmo regional com muita precisão.
No universo das apresentações, os alunos do 8º ano, embalaram um misto de partida de futebol com dança no ritmo matogrossense, em que as equipes de jogadores com diferentes trajes de torcidas, dominaram a pelota com maestria dando um show a parte com categoria, exaltando o Esporte com bola como a harmonia na diversidade de tipo e cultura de cada grupo ou povo. Ao final da apresentação, contaram com a entrada das meninas no palco, e juntos num ritmo bem Mato Grosso, só foi Rasqueado.
Nas apresentações não faltaram como ritmos das diversas regiões do Brasil, como o Forró, Carimbó e claro o Siriri, apresentado pelos alunos do 1º e 2º ano. As expressões corporais, foram um show, marcando a alegria e o bem estar do corpo discente, diante dos pais e comunidade, num evento que soma para a educação com qualidade de vida e bem estar entre a diversidade de modos e jeito de viver o cotidiano.


















O Rasqueado Matogrossense















As Meninas do Carimbó.





























 














Espaço Cultural Profª Maria Benedita de Magalhães

Pais e comunidade marcando presença.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Projeto Hispano Hablante

Oficinas de Cururu e Siriri

Projeto " Xô Mosquito da Dengue"